Aguarde...

Instalada a Frente Parlamentar das Micro e Pequenas Empresa na Assembleia Legislativa

Para o presidente da ACM, Felipe Mussalém a Frente deve se configurar como um espaço de debates, de estímulo e de apoio efetivo ao setor, que tem grande expressão na economia local.


A Assembleia Legislativa do Maranhão lançou oficialmente, na última sexta-feira (9), a Frente Parlamentar da Micro e Pequena Empresa, em solenidade que contou com a presença de dirigentes e representantes de entidades empresariais do Estado, dentre as quais a Associação Comercial do Maranhão representada por seu presidente e expressivo número de diretores e associados. 

A solenidade contou ainda com as presenças do deputado Fábio Braga (SD), de dirigentes do Sebrae, da Federação das Indústrias (Fiema), do Banco do Brasil, Conselho Regional de Contabilidade, CDL e de outras instituições.

Presidida pelo deputado Adriano Sarney (PV), a Frente tem como vice-presidente o deputado Wellington do Curso (PP), contando com o deputado Júnior Verde (PRB) como secretário-geral.

“Vamos trabalhar com o espírito de dar toda a contribuição possível às pessoas que fazem a micro e a pequena empresa. São estas pessoas que podem tirar o Maranhão e o Brasil da crise”, enfatizou Adriano Sarney. 

Presente à solenidade, o deputado federal Jorginho Mello (PR/SC), presidente da Frente Parlamentar Mista da Micro e Pequena Empresa na Câmara dos Deputados, parabenizou o Marah

Em seu discurso, o deputado Jorginho Mello assinalou que a Frente Parlamentar Mista da Micro e Pequena Empresa é hoje a maior Frente do Congresso Nacional, com 387 deputados e 33 senadores. Jorginho Mello destacou a iniciativa do Legislativo estadual e do deputado Adriano Sarney, que desde o ano passado vem articulando o projeto de criação da Frente. 

Para o presidente da ACM, Felipe Mussalém a Frente deve se configurar como um espaço de debates, de estímulo e de apoio efetivo ao setor, que tem grande expressão na economia local. "A ACM deseja participar fortemente desse espaço por entender a sua importância para fomentar o crescimento das micro e pequenas empresas", afirmou ele. “Trata-se de uma iniciativa que pode trazer muitos benefícios para esse segmento que é tão importante para a economia, que gera emprego e renda, mas que precisa de todo apoio para crescer e se fortalecer", completou. 

Atuação - A Frente Parlamentar será uma ferramenta para a formulação de políticas de apoio às micro e pequeno empreendedor, debatendo projetos e propostas em tramitação no Legislativo maranhense e também no Congresso Nacional. A partir de agora, pretende realizar seminários e reuniões em diversas regiões do Estado, com órgãos públicos e privados de âmbito estadual e nacional para fomentar ações em prol do empreendedorismo e dos pequenos negócios. 

 

“A partir de agora, esta nossa Frente Parlamentar terá uma ação ampla e proativa em defesa do desenvolvimento do Maranhão, com a participação das entidades empresariais, organizações não-governamentais, o Sebrae, assim como a Federação das Indústrias do Maranhão (Fiema), a Associação Comercial do Maranhão (ACM), enfim, todos nós estaremos irmanados para que possamos fazer um amplo debate em prol dos micro e pequenos empresários”, ressaltou Adriano Sarney, ao encerrar a solenidade, que foi precedida de um café da manhã.

 




Listar notícias