Aguarde...

Presidente do Conselho Superior lança livro em noite prestigiada

 “Reflexões Semanais” é o título do volume de crônicas que o presidente do Conselho Superior da Associação Comercial do Maranhão, Carlos Gaspar, lançou na última quarta-feira, dia 17, em noite de autógrafos bastante prestigiada.

O lançamento reuniu intelectuais, políticos, secretários de Estado, autoridades do judiciário, empresários e diretores da ACM.  O evento foi realizado no Salão Nobre Arnaldo Ferreira, dando continuidade á programação festiva dos 157 anos da entidade. A obra reúne crônicas publicadas pelo empresário no Jornal “O Imparcial”, no período de 1990 a 1994, quando Gaspar dirigiu a Associação Comercial. Trata-se de um conjunto de reflexões sobre a economia nacional e local, registro de uma época marcada por várias denúncias de corrupção e incerteza com relação à conjuntura econômica.

Durante o lançamento, o presidente da ACM, Haroldo Cavalcanti Junior, frisou a importância das reflexões, que, segundo ele, “revelam o olhar arguto de um homem de negócios, conhecedor da realidade local e de um líder comprometido em refletir sobre o ambiente econômico, no qual estava inserida a entidade por ele comandada”.

A obra, na opinião do presidente da Casa, também revela o quanto a conjuntura econômica impacta as ações da ACM, especialmente na luta pelo desenvolvimento do Estado. “As Reflexões Semanais de Carlos Gaspar nos inspiram e estimulam a seguir em frente nesta que é uma luta de gerações: por um Maranhão economicamente forte e independente, cada vez mais digno e justo”, completou o presidente da ACM.

Ao apresentar a obra, Carlos Gaspar, que também é membro da Academia Maranhense de Letras, citou momentos marcantes de sua gestão como presidente da Associação Comercial, destacando a atuação dos diretores, dos conselheiros e dos funcionários da entidade, bem o fortalecimento da Associação como ser político, focado na defesa dos interesses empresariais. Ele frisou, ainda, algumas das ações empreendidas em seu mandato e que até hoje têm significado marcante. Dentre estas, a ampliação da Biblioteca Clodoaldo Cardoso, as ações do Departamento de Economia e a continuação da obra de Jerônimo de Viveiros sobre a História do Comércio do Maranhão.

Gaspar concluiu a apresentação do livro enfatizando que em algumas crônicas fica explícito o seu posicionamento contundente e crítico em relação aos poderes constituídos, atitude que objetivava estimular a reflexão sobre os condicionantes políticos e econômicos do período, bem como o papel dos empresários no desenvolvimento do Maranhão.

Ao final do evento, o presidente do Conselho autografou o livro, em uma sessão de autógrafos com expressiva participação de amigos e convidados. Ao final, foi servido um coquetel aos convidados.

 


» Galeria de imagens



Listar galerias